Quarentena: Professor do Hospital Veterinário da Anhanguera orienta sobre cuidados com os pets

Fique à vontade para Compartilhar com amor com seus amigos! ❤

Com a pandemia do Covid-19 e a necessidade do isolamento social, os animais de estimação ganharam companhia por mais tempo. Como muitos profissionais estão trabalhando de forma remota, os pets têm ganhado mais atenção e espaço em fotos e vídeos nas redes sociais. No entanto, alguns cuidados são necessários com os animais de estimação, mesmo durante a quarentena.

“Mesmo que não haja ainda confirmação sobre carrearem o vírus nos pelos e patas, o ideal é adotarmos medidas preventivas com nossos pets. Podemos aqui dar alguns exemplos: se uma pessoa apresenta os sintomas do coronavírus, o ideal é deixar seu pet com outra pessoa para cuidar, enquanto aguarda os 15 dias de quarentena”, explica, Paulo Ricardo Domingues Reviglio.

De acordo com o professor e responsável pelo Hospital Veterinário da Anhanguera de São Bernardo do Campo, unidade Rudge, Paulo Ricardo Domingues Reviglio, evitar aglomerações para diminuir o contato entre nós, seres humanos, é uma das recomendações de precaução, porém não há problemas em ter contato com o seu animal de estimação, se ele estiver higienizado e sem contato com outros animais que não sejam da mesma casa.

“Para os animais que precisam sair na rua para fazerem as necessidades, o dono quando deverá evitar aglomeração com outros tutores e cães, seguindo as recomendações da saúde. No último caso, assim que chegar em casa, lavar as patinhas do animal com água e sabão e secar muito bem com o secador. Não recomendo passar álcool gel nas patinhas, pois o animal pode lamber e se intoxicar” ressalta o Professor.

LEIA MAIS: Ações de solidariedade na Vila Nova Conceição SP.


Fique à vontade para Compartilhar com amor com seus amigos! ❤

POST A COMMENT.