Viagem Internacional: Como gastar pouco

Fique à vontade para Compartilhar com amor com seus amigos! ❤

Viagem Internacional… ahhhh… sonho de tantos e um assunto que dá arrepios para muitos outros por causa da alta do dólar.

Para nós, meros mortais, que não somos fluentes em “economiquês”, é difícil fazer qualquer previsão sobre as taxas cambiais, não é mesmo?

Economizar durante uma viagem internacional pode tarefa para poucos. Mas com algumas dicas é possível aproveitar a viagem gastando menos do que imaginamos.

Descubra como um bom planejamento, e as escolhas certas, podem diminuir os seus gastos na viagem.

Viagem Internacional: Como planejar gastando pouco

1. Evite viajar na alta temporada

Assim como qualquer outra, uma viagem internacional custa mais caro quando o destino é muito procurado. Isso eleva os preço das passagens, alimentação, hospedagem, principalmente se for em alta temporada.

Uma dica simples para economizar é tentar programar a viagem para a baixa temporada, época em que, além de preços mais baixos, é possível ganhar descontos consideráveis em vários serviços.

2. Compre passagens aéreas com antecedência

Embora esteja cada vez mais difícil arrumar um tempinho para o merecido descanso, uma dica importante é comprar as passagens com antecedência.

Grande parte dos gastos de uma viagem internacional está relacionada às passagens aéreas, e o segredo pesquisar antes e aumentar a chance de conseguir melhores taxas.

3. Saia do Brasil já com uma ideia de roteiro

Fazer o roteiro antes de embarcar é uma dica que não pode ser deixada de lado. Pode parecer não ser uma tarefa muito simples, mas se é a sua primeira experiência no exterior, fique tranquilo, também é possível planejar-se.

Tente conversar com pessoas que já tiveram a oportunidade de ir ao país que você escolheu. Pesquise, mas pesquise mesmo o que de melhor o destino pode lhe oferecer. Claro que de acordo com a sua disponibilidade, monte um guia para todos os dias da sua viagem. Isso vai te ajudar a economizar tempo e um bom dinheiro.

4. Escolha levar dinheiro em espécie

Depois de traçar o roteiro da sua viagem, é hora de pensar na melhor opção financeira para a sua viagem.

Apesar da comodidade dos cartões de crédito internacionais, as taxas cobradas a cada operação no exterior os torna uma opção desfavorável. Principalmente, se a viagem for para países que tem o dólar como moeda local.

Como ele sofre grandes oscilações em curtos períodos de tempo, ainda é preciso lidar com a incerteza sobre o valor que será cobrado na fatura do cartão de crédito. Então, melhor tomar muito cuidado para não levar nenhum susto.

Lembra das pesquisas antes de comprar as passagens? Então, se possível, inclua uma estimativa de gastos locais e se planeje para comprar dólar turismo em espécie.

O IOF cobrado no momento da compra, apenas 1,1%, é menor que as transações com cartões de crédito, que é de 6,38%. Isso vai ajudar a diminuir os gastos com sua viagem.

Se você for uma pessoa que gosta de estratégias, fica a dica. Tente aproveitar os dias que a cotação estiver “tranquilo & favorável”. Sempre que possível, faça simulações virtuais, assim irá encontrar melhores taxas para fazer as compras.

Anotou tudo? Então… aperte os cintos e boa viagem!


Fique à vontade para Compartilhar com amor com seus amigos! ❤

POST A COMMENT.