Aplicativo auxilia crianças autistas e com síndrome de down no processo de alfabetização

Fique à vontade para Compartilhar com amor com seus amigos! ❤

A Educ360° – edutech com projetos voltados ao impacto social – lança, numa parceria com a APAE Cotia e o Multigestos, um app em realidade aumentada, que auxiliará as crianças em fase de alfabetização, sobretudo as de espectro autista e portadores de Síndrome de Down.

Trata-se do Alfabetização na Apraxia de Fala Infantil, app de apoio à alfabetização com conteúdos fonoaudiológicos, que está disponível gratuitamente nas plataformas Android e iOS.

A apraxia de fala na infância é um distúrbio neurológico que atinge a produção motora dos sons da fala e reduz a capacidade da criança de produzir clara e corretamente sílabas e palavras, tornando sua fala significativamente limitada ou de difícil compreensão.

O aplicativo foi desenvolvido pelo Educ360°, com apoio tecnológico da Foursys (empresa de tecnologia da informação com 20 anos atuação), utilizando-se dos conceitos de realidade aumentada para a aplicação do método Multigestos.

Este método foi criado para o treino motor de fala e alfabetização de pessoas com Apraxia de Fala na Infância, beneficiando ainda portadores de síndrome de Down, Transtorno do Espectro Autista e outras deficiências.

A ação nasceu de um mapeamento realizado pela APAE Cotia sobre as necessidades de seus alunos em contar com a tecnologia para gerar maior absorção do conteúdo aplicado.

É importante ressaltar que o lançamento do aplicativo vem ainda num momento em que a Organização Mundial de Saúde orienta a população a manter-se em quarentena por conta da pandemia de coronavírus (Covid-19).

Por conta deste distanciamento social, o app torna-se uma ferramenta extremamente útil para que as crianças não sejam prejudicadas durante o período de alfabetização.

 “O objetivo é que o aplicativo apoie os pais e cuidadores de alunos durante o tempo de reclusão solidária, devido à quarentena pela Covid-19”, explica Fábio Educ, diretor da Educ 360°. Ele acrescenta que o app pode contribuir neste período porque as “crianças com autismo e Down normalmente têm dificuldade de concentração, mas adoram tecnologia”. 

LEIA MAIS: Shopping em São Paulo lança “drive-thru” para exames de COVID-19.


Fique à vontade para Compartilhar com amor com seus amigos! ❤

POST A COMMENT.